Freelancer using notebook, woman working on laptop computer typing on the keyboard at home.

Estudar a distância não é exatamente fácil e requer muita disciplina e força de vontade. Mas também é uma modalidade que tem muitas vantagens e benefícios, principalmente para quem já está atuando no mercado de trabalho. Pensando nisso, preparamos uma lista com as principais competências e necessidades que precisa ter alguém que quer estudar a distância. Confira:

Dedicação aos estudos

Quem estudar a distância precisa se dedicar mais que um aluno de cursos presenciais. Isso porque não consiste apenas no trabalho de ir à faculdade, assistir às aulas e fazer provas. Quem estuda a distância é observado em aspectos como participação, tem mais atividades avaliativas do que em cursos tradicionais e ainda tem que se dedicar a uma rotina de estudos sem supervisão direta.

Boa conexão à internet

Há também aspectos técnicos com os quais se preocupar. Um deles é a necessidade de poder contar com um computador com boa conexão à internet. Isso ocorre porque frequentemente é preciso assistir a videoaulas on-line, fazer atividades em tempo real e participar de fóruns de discussão em plataformas virtuais. 

Tempo exclusivo para estudar

Quem vai estudar a distância também precisa reservar períodos exclusivos do dia e da semana só para se dedicar às atividades do curso. Não é porque você não vai frequentar aulas presenciais, que não precisa ter horários de estudo. Preferencialmente, você também terá horários específicos para se se preparar para cada disciplina. Quanto maior for sua organização nesses momentos, melhor será também seu aproveitamento do curso realizado.

Conhecimentos básicos de informática

Sim, é preciso conhecer um pouco de informática para ser um bom aluno de estudo a distância. Mas não se assuste, não é nada muito complicado.

Basta um pouco de força de vontade e atenção para aprender a manusear ferramentas simples, como a plataforma on-line de sua faculdade, a organização de seus arquivos digitais de estudo no computador (apostilas, livros, documentos e trabalhos, entre outros), bem como suas anotações em editores de texto.

Uma vez que você se acostuma e aprende a utilizar esses programas, seu estudo será ainda mais otimizado.

Disciplina no dia a dia

Ter disciplina é importante não apenas para os momentos de estudo efetivo, mas também para o dia a dia. Como assim? Isso quer dizer, por exemplo, que você deve se programar para conciliar todas as suas atividades (lazer, estudos, trabalho, família etc.) sem prejuízo de uma em detrimento de outra.

Dormir em horários regulares e um número mínimo de horas por dia também ajuda na qualidade de vida, já que evita aquele sono indesejado entre as sessões de estudo.

Boa vontade para aprender

Você que está cogitando estudar a distância também precisa ter boa vontade para aprender. Afinal, justamente por não ser uma forma clássica de estudos, muitas pessoas acabam se perdendo na falta de supervisão direta, na flexibilidade de horários, entre outras coisas.

No entanto, é preciso que os esforços e disposição para aproveitar o curso partam de você, sem depender da instituição de ensino, de professores ou de outras formas de incentivo.

Smartphone também pode ser uma boa ferramenta de estudo

Estudar a distância também tem a vantagem de multiplicar as plataformas por meio das quais é possível ter acesso ao conhecimento. Isso significa, por exemplo, que até mesmo seu celular pode virar uma ferramenta de aprendizado, seja por meio de áudios gravados das aulas ou por meio de vídeos de cada disciplina.

E o melhor é que você pode levar o ensino com você, a todos os lugares que você frequenta. Passa horas no trânsito todos os dias? Basta colocar o áudio das aulas em seu aparelho.

Estudar a distância exige persistência

Por mais que existam diversas vantagens e facilidades relacionadas à realização de um curso a distância, isso não deixa de fazer necessária a persistência do aluno com os estudos. É preciso ser forte para não desanimar a cada desafio que se apresenta, bem como saber superar suas dificuldades pessoais nos momentos mais complicados. A persistência nos estudos pode fazer de você um aluno exemplar!

Organização para sistematizar seus estudos

Não é fácil ter uma boa organização de estudos na graduação, principalmente se você é aluno de cursos de EAD. Por isso, é ainda mais necessário que você trabalhe essa habilidade em seu dia a dia. O que isso significa?

Entre outras coisas, saber separar as notas de aula de cada disciplina, manter uma agenda com seus compromissos acadêmicos (datas de entrega de trabalho, datas de prova, horários e pendências de estudo etc.) e ter um ambiente propício para os estudos (sala, quarto, escritório etc.).

Atenção e revisão apurada de tarefas realizadas on-line

Outra habilidade imprescindível é a de saber revisar e aprimorar a qualidade de suas tarefas escritas. Seja na parte de conteúdo, seja em questões formais como gramática e ortografia, não negligencie o que uma rápida revisão pode fazer pelo seu texto.

Bastam alguns poucos minutos de leitura para identificar erros, incoerências e novas possibilidades argumentativas. Criar esse hábito ajuda em muito seu desempenho em um curso de ensino a distância, já que a maioria das tarefas é postada on-line, por escrito.

Até mesmo atividades avaliativas de participação do aluno levam em consideração esses aspectos de escrita. Por que não cultivar então esse hábito de ter mais atenção e de revisar seus trabalhos?

Vontade de participar

Como dissemos, a participação é também um dos aspectos de avaliação que tutores e professores levam em consideração ao avaliar um aluno de ensino a distância. Por essa razão, é importante contar com uma boa vontade em participar de fóruns de discussão, trabalhos em grupo e outras atividades coletivas de plataformas on-line.

E você? Consegue reunir todos esses aspectos necessários para estudar a distância? Tem outras sugestões de competências e características importantes para executar bem essa rotina de estudos a distância? Compartilhe com a gente nos comentários!

5 segredos da gestão de tempo para estudantes

Deixe um comentário