group of young college graduates and professor at graduation

Buscar uma promoção no trabalho é uma tarefa constante no mundo corporativo. A ascensão profissional é o desejo de toda pessoa que busca realização pessoal e um bom salário. Mas nem todos sabem que, para progredir na carreira, é preciso ficar atento a algumas questões básicas.

Diferente do pensamento comum, o sucesso não está necessariamente ligado a um novo diploma. Outros aspectos são tão importantes quanto isso.

Para esclarecer quais são esses elementos essenciais, destacamos as condições ideais que devem ser buscadas por quem almeja atingir essa meta. Confira:

Estabeleça um objetivo

Quando se define um objetivo, é importante combinar os desejos pessoais com as possibilidades profissionais, saber o que se quer alcançar dentro de um caminho possível. O indivíduo que conhece seu objetivo vai escolher ferramentas que se adequem à sua realidade.

Uma dessas ferramentas pode ser o diploma, mas ele precisa estar de acordo com as funções do cargo desejado.

A relação de trabalho é uma troca entre o empregador e o funcionário. Por isso, uma forma de não se iludir com falsas expectativas é pensar no que você pode oferecer com sua formação superior, especialização ou conhecimento técnico.

Essa preocupação é desejada pelos gestores, pois esse pensamento demonstra uma visão madura e profissional, além de equilíbrio entre o individual e o coletivo.

Busque um diferencial e trabalhe em cima disso

Muitas vezes, a escolha de cursos e especializações pode ser motivada por uma idealização. Ou seja, uma das armadilhas que a ansiedade pelo sucesso pode gerar é o distanciamento das próprias habilidades.

A ideia que se cria sobre sucesso profissional não é algo que nasce com a pessoa, é uma ideia construída ao longo do tempo,que muitas vezes é baseada em opiniões externas. Por isso, é uma tendência que um grande número de pessoas busquem pelas mesmas coisas na mesma época. Principalmente porque vivemos em uma sociedade conectada, em que os meios de comunicação cada vez mais nos aproximam.

Apesar disso, todos sabemos que existem características únicas que diferenciam uma pessoa da outra. As experiências de vida e o que gostamos de fazer também fazem parte da nossa personalidade e, assim, das aptidões e talentos.

Quando buscamos um perfil profissional baseado no que é valorizado pela maioria em um determinado momento, existe um grande risco de não desenvolver os talentos individuais — o que provavelmente não trará uma vida profissional sólida.

Conheça a si mesmo

É preiso saber onde você quer chegar e ter em mente que, quanto mais responsabilidades forem adquiridas, maior deve ser o grau de inteligência emocional.

Uma característica comum entre pessoas que alcançam um maior grau de realização é a consciência de suas limitações e, da mesma forma, de seu potencial. Não é vergonhoso, por exemplo, reconhecer que seu conhecimento em cálculo não é algo do qual se orgulhe, já que, provavelmente, você possui alguma outra habilidade e motivação. Além disso, para aprender algo novo, é preciso reconhecer que não se sabe o suficiente.

O cientista Marcelo Gleiser usa uma comparação que explica que o conhecimento é como uma ilha, e que tudo que está em volta dela representa o desconhecido. Conforme o saber avança, essa ilha aumenta e, ao mesmo tempo, a margem do desconhecido cresce junto com ela. Ou seja: o que se aprende cresce na mesma proporção daquilo que ainda é preciso conhecer.

Essa ideia ensina que o aprendizado nunca vai se esgotar, o que diminui as falsas expectativas sobre a própria capacidade e, principalmente, sobre o mundo.

Quando isso acontece, fica mais fácil enxergar o melhor caminho de cada um para um desenvolvimento completo, além de valorizar as próprias qualidades.

Fique atento ao seu comportamento

Um dos pontos mais importantes dentro do ambiente profissional é o comportamento dos colaboradores. Desafios diários, pressão, trabalho em equipe e hierarquia são algumas das situações que quase todas as pessoas em um ambiente de trabalho vivem.

O comportamento de uma pessoa sempre pode influenciar, positivamente ou não, na rotina do trabalho. O termo colaborador mostra uma visão atual sobre as organizações, demonstrando desde o princípio o que se espera dele: colaboração.

Por isso, a capacidade de se relacionar com equilíbrio e maturidade é tão importante quanto a qualificação profissional. O interesse em resolver um conflito, por exemplo, deve estar acima de qualquer desafeto pessoal.

Manter uma relação ruim com os colegas, dentro do ambiente de trabalho, pode atrapalhar o rendimento individual e, consequentemente, coletivo.

Muitas vezes, não é o conhecimento técnico que impede o crescimento, mas questões pessoais e relacionais que precisam ser modificadas. O investimento na carreira vai além da dimensão profissional.

Pesquise os instrumentos de educação disponíveis

Existem muitas ferramentas de educação oferecidas no mercado. Por isso, como em qualquer grande investimento, é preciso pesquisar as diferentes modalidades existentes.

Há cursos de aperfeiçoamento, cursos técnicos, mestrados, MBA, entre outros. Cada um deles possui objetivos e atribuições principais relacionadas à sua área de conhecimento.

É importante conversar com pessoas que já atuem na área desejada, conhecer histórias de vida de possíveis referências do setor, conhecer os métodos, material teórico e prático, para que se se possa fazer uma escolha mais adequada.

Ter bem claros seu objetivo e suas condições de vida é essencial para escolher o melhor método. Há cursos mais caros — mas que possuem retorno no mercado — assim como existem outros mais flexíveis e com impacto positivo na carreira em geral.

O foco nas habilidades e experiências relacionadas ao cargo é o caminho mais adequado, já que a variação do mercado determina qual área está num momento menor.

O ponto principal é se desenvolver. Por menor que pareça o seu conhecimento, o importante é que ele amplie seu campo de atuação. A tão sonhada promoção no trabalho é alcançada através da dedicação. Estar disposto a receber críticas e trabalhar por uma melhora constante é algo essencial para se construir uma trajetória de sucesso.

Você gostou deste texto? Deixe um comentário contando para a gente qual é a sua opinião!

5 segredos da gestão de tempo para estudantes

Deixe um comentário