como-conciliar-o-trabalho-e-um-curso-a-distancia.jpeg

Muitas pessoas deixam de fazer uma faculdade e de melhorar de vida porque ainda acredita que é difícil conciliar o trabalho e um curso a distância. A prática, contudo, demonstra que milhares de pessoas conseguem aliar — com resultados satisfatórios — as duas atividades.

Com o planejamento eficiente das tarefas do cotidiano e com o aproveitamento dos benefícios proporcionados pela modalidade de ensino a distância (EAD), o profissional e aluno pode conquistar a tão almejada formação de nível superior.

Se você quer fazer uma faculdade para crescer na carreira, mas não pode abrir mão do emprego atual, confira várias dicas para conciliar o trabalho e um curso a distância:

Planeje a sua rotina

O tempo é um recurso limitado. Logo, você deve aproveitá-lo ao máximo para cumprir todos os seus compromissos diários. Depois de escolher o curso e fazer a matrícula, você deve conhecer a metodologia de ensino. Entender como o conteúdo é transmitido, saber as regras do curso e ter noção das etapas e das formas de avaliação são requisitos essenciais para um bom aproveitamento da modalidade de ensino a distância.

Após compreender o funcionamento do seu curso, você deve encaixar períodos de estudo na sua rotina diária ou semanal. Para planejar a sua rotina de forma eficiente, é importante que você primeiro faça uma lista de todas as atividades que realiza habitualmente. Depois, você deve estabelecer horários para cada compromisso.

Na sequência, você deve estabelecer os dias e as horas em que se dedicará ao estudo. Para se organizar melhor, você pode ter tanto um quadro de horários geral, no estilo de agenda, ou um específico para os períodos de aprendizado. Saiba que esse plano será uma espécie de mapa que vai te orientar no cumprimento das suas metas de estudo e na prevenção da procrastinação.

Tenha disciplina para conciliar o trabalho e um curso a distância

Embora a flexibilidade de horários seja uma característica do EAD, é recomendável que você cumpra o seu planejamento. Você pode vez ou outra até trocar o dia de uma aula, mas jamais deixar de estudar ou pular o conteúdo. Para não perder nenhuma matéria, faça um checklist para a sua jornada de estudos.

Tenha em mente que o seu nível de aprendizado dependerá da sua dedicação. Se no início pode parecer difícil estudar por conta própria, com o tempo você perceberá que essa atividade se tornará um hábito. Caso seja necessário, nas primeiras aulas você pode até utilizar um cronômetro para garantir que estudou de fato o período previsto no seu planejamento.

Aproveite as vantagens do EAD

Trabalhar e estudar ao mesmo tempo realmente são tarefas que podem gerar cansaço se a pessoa precisa se deslocar da empresa para uma faculdade presencial. Ter que pegar um trânsito congestionado e precisar se alimentar fora, sem contar a correria de horários, podem se tornar fatores de desmotivação para o aluno.

O benefício de conciliar o trabalho e um curso a distância é que o estudante pode estudar de qualquer lugar, logo, economiza tempo e dinheiro. Quem nunca se sentiu prejudicado com as horas perdidas no carro, no ônibus ou no metrô, não é mesmo? A sensação que a pessoa tem é que o dia só serviu para trabalhar e mais nada.

Quem faz uma faculdade na modalidade EAD possui uma vida diferente, pois pode ir do trabalho para casa e estudar na própria residência. Dessa forma, a aprendizagem não fica tão pesada na rotina do profissional.

Além disso, a possibilidade de ver quantas vezes quiser os conteúdos, no ambiente virtual de aprendizagem, é uma vantagem em comparação às aulas presenciais, em que não se pode pausar a exposição do professor para rever um tópico da matéria.

Tenha metas de aprendizado

Muita gente tem um pensamento errado a respeito do grau de dificuldade de um curso a distância e acha que estudar na modalidade EAD é mais fácil. Porém, essa é uma visão equivocada. Da mesma forma que no ensino presencial, se o aluno de um curso a distância não se dedicar, não aprenderá o conteúdo das disciplinas e não será aprovado nos exames.

Para tornar o seu aprendizado eficaz, é interessante que você estabeleça metas de estudo, como a leitura dos materiais complementares indicados pelos professores, a participação nos fóruns de discussão das turmas, a realização de exercícios e a revisão antes das provas. Saiba que essas ações só contribuem para a melhoria do seu desempenho.

Faça correções se necessário

O estudo de um curso a distância tem certa dose de “aprendizado personalizado”, afinal, cada aluno pode aproveitar a modalidade de ensino de maneira particular, respeitadas determinadas exigências comuns a todos os estudantes.

Por exemplo: para um aluno, pode ser mais vantajoso estudar à noite; para outro, de manhã. Por isso, passadas algumas semanas de estudo, é importante que você avalie o seu próprio método de aprendizado e identifique se é ou não necessário realizar correções pontuais. Dessa forma, você aproveita mais o curso e se torna capacitado a utilizar no mercado de trabalho os conhecimentos aprendidos nas aulas.

Busque motivação e não desista

O fato de não precisar marcar presença em uma classe presencial, a possibilidade de realizar programas de lazer nos horários de estudo e o cansaço de uma jornada dupla podem ser razões para o aluno se desanimar.

Porém, lembre-se de que conciliar o trabalho e um curso a distância fará parte de um período temporário da sua vida. O eventual sacrifício será recompensado no futuro, com melhores oportunidades na carreira, sejam em concursos públicos ou em vagas em empresas privadas que requisitem formação de nível superior.

Na hora que bater o desânimo, não se esqueça das razões pelas quais você busca uma vida melhor, como ter uma renda que satisfaça às suas necessidades ou proporcionar conforto para os familiares. Ao procurar por essas fontes de motivação, você terá mais energia para vencer as etapas da formação profissional.

Na sua opinião, o que uma pessoa precisa fazer para conciliar o trabalho e um curso a distância? Deixe seu comentário aqui no blog e participe da nossa conversa!

5 segredos da gestão de tempo para estudantes

Deixe um comentário