11-filmes-sobre-politica-e-poder-que-todo-universitario-deve-ver.jpeg

Vida de universitário envolve muito estudo, leitura e aprendizado. Conhecer um pouco mais sobre a política e poder, nesse sentido, ajudará o estudante a ter uma visão mais ampla sobre diversos assuntos, auxiliando na construção do pensamento e na criação de uma visão mais crítica frente a diversas situações.

Conheça aqui alguns filmes que podem agregar maior conhecimento sobre política e poder de uma forma mais dinâmica e lúdica em seu cotidiano e não deixe de assisti-los em seus momentos de descanso!

1. All the King’s Men (1949)

Um drama estadunidense que retrata fatos sobre a ascensão e queda de um político (Willie) populista e demagogo do estado da Louisiana, que é eleito governador e começa seu governo exigindo justiça social e reformas.

A trama se desenvolve e, com o tempo, Willie vai manifestando comportamentos cada vez mais questionáveis.

Uma obra que trata de impeachment, trapaça, corrupção, abuso de poder e morte e que revela o lado sombrio do poder. Não deixe de assistir!

2. The Great Dictator (1940)

Uma obra estadunidense, dirigida e estrelada por Charles Chaplin e que foi seu primeiro filme falado.

A comédia dramática busca satirizar o nazismo e o fascismo, bem como seus representantes (como Adolph Hitler e Benito Mussolini), tendo sido, com bastante dificuldade, lançado na mesma época em que ocorria a Segunda Guerra Mundial.

A produção retrata a história de um barbeiro judeu que luta pela fictícia Tomânia, que sai derrotada. Em meio a muitas complicações, surge um comandante (Hynkel) autoritário e ditador.

A história é preenchida com muito ódio, torturas e extermínio, mostrando ao espectador um pouco sobre os sofrimentos da guerra e os perigos da manipulação política dos povos.

3. All the President’s Men (1976)

Uma produção que conta sobre o famoso caso do Watergate – escândalo político que levou à renúncia do presidente estadunidense Richard Nixon, ocorrida em 1972.

A obra retrata uma história de obsessão, ambição, espionagem e lavagem de dinheiro e é recomendada para alunos de todas as áreas, principalmente Comunicação, Jornalismo, Ciências Políticas e áreas afins.

4. Inside Job (2010)

Mais que um documentário, o drama é uma verdadeira aula de economia, que conta a história da crise financeira mundial no período entre 2007 e 2012.

Retrata, sobretudo, os fatos da política que, na época, incentivava o investimento de risco através da desregulamentação, mostrando as possibilidades de multiplicar o capital por meio de investimentos que, na maioria das vezes, não garantiam retorno aos investidores.

A obra procura explorar as mudanças políticas e as práticas bancárias que trouxeram à tona a crise financeira. Então prepare sua pipoca e mãos à obra!

5. Chinatown (1974)

Na lista das maiores obras do cinema mundial, “Chinatown” combina romance, intriga policial e tragédia.

Hollis Mulwray, um engenheiro chefe do departamento de água e energia da cidade de Los Angeles, é investigado por um detetive particular, a pedido de sua suposta esposa, que desconfiava estar sendo traída.

A trama se desenvolve em uma história de corrupção, incesto e assassinato.

6. Persepolis (2007)

Um filme sobre revolução, intolerância, guerra e conceitos de liberdade, “Persepolis” retrata a autobiografia de Marjane Satrapi, uma menina que nasceu no Irã durante a Revolução Islâmica.

A sua trajetória turbulenta é marcada por importantes questões que fazem o espectador compreender como um ambiente opressor (principalmente em relação à discriminação direcionada à mulher) e como ideologias conservadoras podem repercutir na vida de uma pessoa.

Se você já se inspirou com esta breve descrição, não pode deixar de assistir à trama original!

7. Tropa de Elite (2007)

A primeira produção brasileira aqui descrita, “Tropa de Elite” mostra sobre a realidade do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), envolta em corrupção e acontecimentos caóticos.

O ambiente retratado – as favelas do Rio de Janeiro – é imerso em acordos ilegais entre traficantes e policiais. Sendo assim, a obra é uma verdadeira demonstração de ambição, lucro e poder.

O filme representa uma história muito obscura e viva da realidade brasileira, mostrando o anseio ilusório por alternativas simples para contornar problemas altamente complexos no país. Interessante, não é mesmo?

8. Fahrenheit 9/11 (2004)

O documentário oferece uma visão sobre as causas e consequências dos atentados às Torres Gêmeas, ocorridos em 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos.

A obra propõe uma reflexão sobre o poder político e os interesses das corporações industrial-militar, principalmente no que diz respeito ao governo da família Bush e de seus supostos vínculos com Osama Bin Laden.

9. Jango (1984)

Outra produção brasileira, o filme “Jango” é um documentário que retrata o cenário político no país entre os anos 60 e 70, narrando a trajetória política do presidente João Goulart .

A obra descreve a realidade do país desde a eleição de Jânio Quadros, perpassa pela crise política que levou à ascensão de Jango, descreve o golpe militar, a repressão e as manifestações por um novo regime ocorridos na época.

Um importante momento da história do Brasil é revelado pela produção e, dessa forma, ela pode ser considerada uma das melhores referências para quem deseja obter uma visão mais ampla sobre o período ditatorial.

10. 2 coelhos (2012)

Um filme de ação e que está atrelado ao contexto social brasileiro, o filme “2 coelhos” conta a história de um homem (Edgar) que, exaurido com a situação de criminalidade do país, se opõe ao sistema e busca “fazer justiça com as próprias mãos”.

Edgar resolve punir a corrupção na política e o crime organizado por meio de táticas ilícitas, armando conflitos entre criminosos e pessoas com cargos de autoridade. Ele representa, sobretudo, o verdadeiro “herói torto” da trama.

“2 coelhos” é uma obra que busca oferecer diversas reflexões em relação à realidade política brasileira, bem como demonstrar fatos da vida cotidiana no país.

11. Getúlio (2014)

A produção é um drama brasileiro e uma obra biográfica do presidente Getúlio Vargas – o “Pai dos Pobres”, durante seus últimos 19 dias de vida.

Acusado de matar seu grande inimigo político, Getúlio sente-se pressionado, pela oposição e lideranças militares, para renunciar ao mandato. Após muitas ameaças,  o presidente opta por cometer um ato extremo.

O filme foi alvo de muitas críticas positivas e negativas, fatos possivelmente esperados devido à história de um homem influente na política do Brasil e que foi, igualmente, odiado por uns e amado por outros. Curioso? Não deixe de assistir!

São diversas as produções cinematográficas que visam retratar histórias de política e poder em todo o mundo. Essas obras podem agregar maior conhecimento sobre acontecimentos globais importantes e nos ensinar, sobretudo, sobre fatos que permeiam a nossa realidade até os dias atuais. Não deixe de assistir a estas obras e garanta maior aprendizado em sua vida!

Gostou das nossas indicações sobre filmes de política e poder? Que tal conhecer alguns filmes que podem te ajudar no vestibular?

5 segredos da gestão de tempo para estudantes

Deixe um comentário